Ténis entra na Fase 3: já pode ter aulas e alugar courts com cobertura parcial

Mais uma quinzena passada, mais restrições levantadas: a Federação Portuguesa de Ténis (FPT) confirmou, este domingo, que a partir de segunda-feira, dia 18 de maio, volta a ser possível jogar ténis em courts com uma cobertura parcial.

A segunda quinzena do mês de maio marca assim o início da Fase 3 do Plano de Retoma de Atividade, divulgado pela entidade a 20 de abril.

Se há cerca de 15 dias foi autorizado o regresso aos courts ao ar livre a todos os praticantes da modalidade, ainda que com as normas de segurança necessárias, agora é a vez de serem reintroduzidos os alugueres e as aulas em courts com cobertura desde que não seja totalmente fechada, e ainda os treinos em grupo até 5 participantes e 1 treinador.

As permissões surgem na sequência da Resolução do Conselho de Ministros publicada este domingo, que refere que só terão de continuar encerrados os “courts de ténis, padel e similares” que sejam fechados.

 

A Fase 4, prevista para o mês de junho, engloba o regresso das competições nacionais oficiais e não oficiais. Quanto aos torneios internacionais (Fase 5), não serão retomados antes do mês de agosto, depois da Federação Internacional de Ténis (ITF) e as associações de tenistas profissionais (ATP e WTA) terem anunciado o prolongamento da suspensão dos respetivos circuitos até 31 de julho.

FPT Plano Retoma Atividade Fase 3

Última atualização às 22h38.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."