Com Djokovic, Sérvia perde par dramático para a Rússia e falha meias-finais da Taça Davis

Kosmos Tennis

Está definida a primeira meia-final da nova Taça Davis: a Rússia semi-surpreendeu a Sérvia num confronto muito animado e repleto de drama para marcar encontro com o Canadá na penúltima fase das Davis Cup Finals.

Depois de dois encontros de sentido único nos singulares (os russos viram Andrey Rublev arrasar, os sérvios contaram com Novak Djokovic para deixar tudo empatado), os dois países chamaram as maiores estrelas para o duelo de pares e o resultado foi um duelo fascinante que ganhou contornos dramáticos e viu Karen Khachanov e Andrey Rublev derrotarem Novak Djokovic e Viktor Troicki por 4-6, 6-4 e 7-6(8).

Desfalcada da sua maior estrela à última hora — Daniil Medvedev tinha planeado fazer a viagem para Madrid, mas acusou a fadiga dos 80 (!) encontros que disputou em 2019 e acabou por desistir — os russos conseguiram fazer esquecer a ausência graças aos nervos de aço de Khachanov e Rublev, que salvaram três match points em pleno tie-break do parcial decisivo antes de conquistarem e convertem a primeira oportunidade.

Tal como durante o encontro com Roger Federer no ATP Finals, também esta sexta-feira Novak Djokovic mostrou estar ressentido da lesão no cotovelo e teve mesmo de ser assistido ao 5-4 do segundo set, que a Sérvia acabaria por vencer logo no jogo seguinte.

Depois, a dupla russa esteve perto de ganhar uma vantagem crucial, mas não conseguiu aproveitar nenhum dos dois break points de que dispôs ao 2-2 e o encontro só foi decidido no tie-break, que foi o expoente máximo das emoções esta sexta-feira.

Esta é a primeira vez desde 2008 que a Rússia chega às meias-finais da Taça Davis. Na altura, foi derrotada pela Argentina na terra batida de Buenos Aires. Desta vez, vai ter pela frente o Canadá no piso rápido indoor da Caja Mágica de Madrid. O encontro está marcado para as 10h30 de sábado, menos uma hora em Portugal Continental.

Os restantes encontros dos quartos de final têm início marcado para as 17h30 locais desta sexta-feira: Espanha e Argentina medem forças no Centre Court, Grã-Bretanha e Alemanha lutam pela restante vaga no Stadium 2.

Última atualização às 15h40.

Total
3
Shares
Total
3
Share