Maria Sharapova satisfeita com mudança do WTA Finals para a China: “Eles estão dispostos a fazer crescer o ténis”

Sharapova Maria 4
Fotografia: Ben Solomon/Tennis Australia

O público chinês de Shenzhen tem razões para celebrar – no final da temporada de 2019 vão ter o privilégio de receber e assistir ao vivo a uma série de encontros que colocam frente a frente as melhores tenistas da época.

Mas não são apenas os habitantes do país mais populoso do Mundo que se encontram satisfeitos com a mudança do WTA Finals para a sua casa. Já várias figuras demonstraram o seu agrado com a situação, incluindo aquela que é indubitavelmente uma da figuras máximas do ténis feminino, Maria Sharapova.

A russa aproveitou a oportunidade que a conferência de imprensa após o seu ultimo triunfo lhe concedeu para tornar pública a sua opinião sobre o assunto. “Estou ansiosa! Se olharem para os números, acho que todos vocês aqui vão concordar que querem ir para um sitio que está disposto a investir no ténis feminino. É para aí que nos direcionamos”, começou por declarar.

“São eles que estão a colocar o dinheiro em jogo. Estão dispostos a fazer crescer a nossa modalidade, a construir um estádio e a aceitar o jogo e o nível das jogadoras. Estou muito ansiosa para ver como as coisas se desenvolvem”, concluiu.

Sharapova, recorde-se, venceu o seu encontro na madrugada passada encontrando-se neste momento em plena preparação para a partida cabeça de cartaz referente à terceira ronda do Australian Open, que a colocará frente à ex-campeã (2016) – e aniversariante de hoje (dia 18 de Janeiro) – Angelique Kerber.

Total
2
Shares
Total
2
Share