Uma série que teima em não ter fim: Mladenovic perde para jogadora fora do top 300 em Sydney

Kristina Mladenovic
Aos 24 anos, tenista francesa entrou num dos piores momentos da carreira mesmo dentro da melhor época

Depois de, há uma semana, no início do ano, noticiarmos a continuação da “série negra” de derrotas de Kristina Mladenovic, o percurso menos positivo parecia estar prestes a ter fim: em Sydney, a francesa foi sorteada com a australiana Ellen Perez na ronda inaugural. Nada mais, nada menos do que a 343.ª mundial.

Mas porque a malapata teima em não ser quebrada, a jogadora francesa voltou a viver um dia negro: perdia já por 6-4 e 4-2 quando se sentiu mal devido ao calor intenso e acabou por desistir do encontro, dando assim à vitória à wild card — que se estreia a vencer encontros em quadros principais de torneios WTA.

Sem vencer já desde o mês de agosto, Kristina Mladenovic (que teve, apesar disso, 2017 como o seu melhor ano — conseguiu mesmo fazer a estreia no top 10) terá agora de esperar pelo Australian Open para tentar inverter a tendência que se prolonga desde o verão.

O 11.º que ocupa no ranking dá-lhe a certeza de ser uma das primeiras cabeças de série, mas os seus registos em Melbourne ainda não são muito animadores: chegou à segunda ronda em 2013 e 2015 e à terceira em 2016.

Total
1
Shares

Leave a Reply

Total
1
Share