Geoffrey Blancaneaux conquista o Maia Open e estreia-se na galeria de campeões do ATP Challenger Tour

Sara Falcão/FPT

MAIAGeoffrey Blancaneaux é o novo campeão do Maia Open. Número 284 do ranking ATP, o tenista francês deu a volta a Chun-hsin Tseng (256.º), do Taipé, e venceu por 3-6, 6-3 e 6-2 para se estrear a vencer torneios do circuito Challenger.

A disputar pela primeira vez uma final a este nível, um dia depois de também ter participado pela primeira vez em meias-finais, o francês de 23 anos conseguiu sorrir por último no duelo entre ex-campeões do torneio júnior de Roland-Garros (Blancaneaux venceu em 2016, Tseng em 2018).

Para chegar ao título em solo português, Geoffrey Blancaneaux passou por três tenistas da casa: Gonçalo Oliveira na segunda ronda (2-6, 6-3 e 6-4), Gastão Elias nos quartos de final (desistência devido a uma lesão no ombro direito) e Nuno Borges nas meias-finais (7-6[3] e 6-0).

Com este triunfo, o tenista parisiense terminou o Maia Open I com três objetivos alcançados de uma só vez: o primeiro título no ATP Challenger Tour, a melhor classificação da carreira (será o 234.º na atualização de segunda-feira) e o apuramento para o qualifying do Australian Open.


Total
74
Shares
Total
74
Share