Luís Faria ultrapassa Fábio Coelho numa enorme batalha no Maia Open

Beatriz Ruivo/FPT

MAIA – O último encontro do primeiro dia do Maia Open foi o melhor e mais emocionante do dia. Saiu por cima Luís Faria (794 do ranking ATP), que mesmo após dois match points perdidos no segundo parcial bateu o compatriota Fábio Coelho (981º) por 6-3, 6-7(8) e 6-4, num encontro de 2h30.

Num duelo entre dois jogadores que se conhecem bastante bem, foi Faria quem dominou a maior parte do encontro até ao 5-3 do segundo parcial, quando serviu para o triunfo. Só que a garra de Coelho, a jogar em casa e com bom apoio vindo das bancadas, veio à tona, salvando um match point nesse nono jogo e um adicional no tie-break, que conseguiu resgatar puxando do seu melhor ténis.

Visivelmente abalado com a situação, o vimaranense demorou a recompor-se, mas no sétimo jogo do set final quebrou o mais novo dos portugueses, salvou uma oportunidade de break no jogo seguinte, e carimbou o acesso à segunda ronda do qualifying, onde vai medir forças com o espanhol Miguel Damas, que momentos antes tinha tirado da prova Francisco Rocha.

Com longas trocas de bola, boa qualidade técnica e alguns momentos de dramatismo, Faria e Coelho protagonizaram para já o ponto mais alto do Maia Open.


Total
18
Shares
Total
18
Share