Inês Murta carimba passaporte para a segunda ronda em Lousada

A portuguesa Inês Murta garantiu esta quarta-feira o acesso à segunda ronda de singulares do Lousada Indoor Open II. A tenista de 24 anos bateu a qualifier russa Dariia Monakhova, de 18, por 6-1 e 6-3 em uma hora e 20 minutos.

Teórica favorita para o embate diante de uma tenista não classificada no ranking WTA, Inês Murta assumiu as despesas do encontro desde muito cedo. O primeiro break surgiu no quarto jogo e permitiu que a tenista portuguesa, 795.ª no ranking WTA, se adiantasse por 3-1. Embalada pelo bom momento, Murta continuou a somar jogos e fechou o parcial numa série de cinco jogos consecutivos.

O bom momento no encontro por parte da portuguesa passou também para o segundo set, com Inês Murta a aumentar a série de jogos consecutivos para sete, de forma a liderar por 6-1 e 2-0*. Só nessa altura é que Monakhova conseguiu estancar um pouco a hemorragia com um jogo de serviço conseguido com algum esforço. Daí em diante, a tenista russa conseguiu confirmar alguns jogos e manter-se à distância de um break, mas claudicou quando teve de servir a 3-5 para se manter no encontro e um segundo break permitiu a Murta fechar o embate.

A vitória desta quarta-feira coloca Inês Murta ao lado de Mariana Campino na segunda ronda, depois da jovem portuguesa ter vencido esta terça-feira. A elas pode-se ainda juntar Elizabet Hamaliy (1112.ª WTA), que discute esta quarta-feira o apuramento com a eslovena Ziva Falkner, número 504 mundial e terceira favorita ao título no Lousada Ténis Atlântico. Desse encontro, de resto, sai precisamente a próxima adversária de Inês Murta.


Total
6
Shares
Total
6
Share