Henrique Rocha cai de pé no qualifying do Braga Open

Sara Falcão/FPT

À terceira não foi de vez:  depois das derrotas dos compatriotas contemporâneos Miguel Gomes e Jaime Faria, Henrique Rocha também saiu de cena na primeira ronda da fase de qualificação após perder com o espanhol Nikolas Sanchez Izquierdo por 6-2 e 7-5.

O nível de Henrique Rocha foi muito interessante face ao número 347 do ranking ATP, mesmo que no primeiro set o tenista do país vizinho de 22 anos não tenha enfrentado break points e tenha dado a ideia de estar no controlo dos acontecimentos. Tudo mudou a partir daí: depois de uma troca de galhardetes no que diz respeito aos golpes de saída, Rocha ficou a servir para fechar o parcial e lutar pela primeira vitória lusa na edição deste ano do Braga Open.

Só que a 5-4, 30-30, o jovem de 17 acumulou alguns erros, também provocados pelo elevar de intensidade de Izquierdo. O português só venceu mais quatro pontos e perdeu os últimos três jogos, terminando o embate com uma inglória dupla falta, que não belisca a exibição no terceiro qualifying Challenger da carreira de Henrique Rocha. O tenista do CAR foca-se agora na variante de pares, onde irá actuar ao lado de Miguel Gomes.


Total
2
Shares
Total
2
Share