Murray aproveita desistência de Kyrgios e estreia-se em Winston-Salem de forma tranquila

Era o duelo mais aguardado do dia, mas foi cancelado a poucos minutos do primeiro serviço: Nick Kyrgios desistiu, devido a uma lesão no joelho direito, e abriu caminho a uma vitória fácil de Andy Murray sobre o lucky loser Noah Rubin (6-2 e 6-0) na primeira ronda do ATP 250 de Winston-Salem, na Carolina do Norte.

Com o objetivo de colocar “jogos nas pernas”, o ex-número um mundial aproveitou um convite de última hora para o derradeiro torneio de preparação para o US Open e no primeiro encontro obteve exatamente o que procurava, apesar de a inesperada alteração não lhe ter permitido testar-se contra um adversário do seu nível.

Mesmo não figurando entre os cabeças de série, Murray é sem margem para dúvidas a grande figura do torneio (que tem no espanhol Pablo Carreño Busta e no belga David Goffin os primeiros pré-designados) e na segunda eliminatória tudo indica que já terá um desafio à altura, dado que vai ter pela frente o norte-americano Frances Tiafoe (51.º ATP).

No historial entre ambos há apenas um encontro, há pouco mais de um ano no ATP Masters 1000 de Cincinnati, com vitória para o britânico (detentor de 46 títulos no circuito mundial) com os equilibrados parciais de 7-6(6), 3-6 e 6-1.

Total
1
Shares
Total
1
Share