Depois de Toronto, Rafael Nadal também desiste do Masters 1000 de Cincinnati

Poucas horas depois de ter retirado o nome do ATP Masters 1000 de Toronto, no Canadá, Rafael Nadal fez o mesmo em relação ao torneio de Cincinnati, nos EUA, e chegará ao US Open com apenas dois encontros disputados em piso rápido desde fevereiro.

A mesma lesão no pé esquerdo que obrigou o número quatro mundial a desistir da prova canadiana antes do encontro de estreia esteve na origem da decisão em relação ao torneio da próxima semana, que seria a última oportunidade de competir antes de regressar a Nova Iorque para tentar mais um título no US Open.

A desistência desta quarta-feira significa que nem Roger Federer, nem Rafael Nadal, nem Novak Djokovic participarão nos dois ATP Masters 1000 de “preparação” para o US Open, acontecimento inédito nos últimos anos (é preciso recuar a 2001 para encontrar um quadro de Cincinnati sem os três nomes) e que reforça a transição geracional que inevitavelmente se aproxima.

Total
11
Shares
Total
11
Share