Isner desforra-se de Nakashima e conquista o sexto título em Atlanta

O sexto título em Atlanta valeu ao norte-americano o 16.º troféu de campeão, 14 dos quais aconteceram “em casa”

Longe dos holofotes devido aos Jogos Olímpicos de Tóquio, o norte-americano John Isner sagrou-se, este domingo, campeão do ATP 250 de Atlanta pela sexta vez na carreira (em nove finais) ao derrotar o compatriota Brandon Nakashima por 7-6(8) e 7-5 uma semana depois de ter perdido o “primeiro round“.

Grande favorito à vitória — não pelo ranking (era o sexto cabeça de série), mas pelo historial — no torneio que marcou o regresso do ténis aos Estados Unidos da América, o gigante de 2,08 metros resistiu a um encontro de alta potência com o surpreendente Nakashima (que na semana anterior o derrotou a caminho da final em Los Cabos, onde só perdeu para Cameron Norrie) e, depois de salvar dois set points na primeira partida, fez a diferença com o único break do encontro.

Com a vitória em 1h56, o já veterano John Isner (36 anos) conquistou o primeiro título em dois anos e o 16.º da carreira. Desses, 14 aconteceram em solo norte-americano (as exceções são as duas vitórias em Auckland, em 2010 e 2014). Também as finais perdidas (11 em 13) aconteceram, sobretudo, “em casa”.

De Atlanta, a US Open Series parte para a capital do país, Washington, D.C., onde o ATP 500 Citi Open tem como figura principal o espanhol Rafael Nadal, que regressa depois de desistir de Wimbledon e dos Jogos Olímpicos, e se prepara para receber cerca de 7.500 espetadores por dia no court central.

Total
36
Shares
Total
36
Share