João Sousa e Pedro Sousa defrontam italianos na primeira ronda de Wimbledon

Fernando Correia/Millennium Estoril Open

João Sousa e Pedro Sousa, os dois tenistas portugueses presentes no quadro principal de singulares de Wimbledon, conheceram, na manhã desta sexta-feira, os primeiros adversários no torneio que, já se sabe, não contará com duas das principais estrelas do circuito masculino: Rafael Nadal, que precisa de tempo para recuperar o corpo depois de uma época de terra batida intensa, e Dominic Thiem, que se lesionou no pulso em Maiorca.

De regresso ao All England Club pela primeira vez desde que fez história ao alcançar a quarta ronda, João Sousa (120.º) terá pela frente o italiano Andreas Seppi, atual 95.º classificado e ex-top 20.

Este será o sexto encontro da história entre o português, que venceu os primeiros três embates, e o italiano, que levou a melhor nos últimos dois, em Roterdão e Winston-Salem 2018. No entanto, será o primeiro de sempre em superfícies relvadas. Se vencer, João Sousa medirá forças com o vencedor do duelo entre Denis Shapovalov e Denis Kudla, podendo encontrar o número um mundial e campeão em título, Novak Djokovic, na terceira eliminatória.

Pedro Sousa (121.º) garantiu um lugar no quadro principal de Wimbledon pela primeira vez na carreira e vai estrear-se frente ao italiano Lorenzo Sonego, 23.º cabeça de série e 27.º classificado no ranking.

Será o primeiro encontro entre ambos e, caso consiga surpreender, o lisboeta de 33 anos enfrentará um sul-americano na segunda eliminatória: ou Daniel Galan ou Federico Coria, que esta sexta-feira enfrenta Gastão Elias nos quartos de final do Challenger de Milão, em terra batida.

Total
11
Shares
Total
11
Share