Roland-Garros: Ashleigh Barty sobrevive a problema físico e segue em frente

Não foi bonito, mas foi eficaz. A australiana Ashleigh Barty sobreviveu a problemas físicos e garantiu o apuramento para a segunda ronda de Roland-Garros esta terça-feira, num encontro onde as coisas estiveram mais complicadas do que se podia esperar à partida para a número um mundial.

Depois de vencer o primeiro parcial frente a Bernarda Pera, número 70 do Mundo, a líder do ranking assistiu a uma resposta de grande nível da adversária. Pera entrou com tudo na segunda partida, abriu uma vantagem de 3-0 e deixou Barty em dificuldades. A juntar à festa, a tenista australiana precisou de solicitar um medical timeout e jogou o resto do encontro com a coxa esquerda totalmente enfaixada.

Barty não foi a tempo de recuperar a desvantagem no segundo set e viu-se forçada a jogar uma terceira partida. Com a movimentação da australiana visivelmente afetada, Bernarda Pera tinha em mãos uma grande oportunidade para rubricar a maior vitória da carreira. Contudo, a tenista norte-americana cometeu erros atrás de erros — 19 no terceiro set, 49 no total — e de nada valeram os 36 winners, já que Barty aproveitou esses mesmos erros para conseguir uma vitória sofrida, mas saborosa, pelos parciais de 6-4, 3-6 e 6-2.

Ultrapassada que está uma primeira ronda perigosa para a australiana, a principal cabeça de série em Paris fica agora à espera de conhecer a adversária da segunda ronda. No caminho de Ashleigh Barty estará a polaca Magda Linette, número 45 mundial, ou a wild card francesa Chloé Paquet, 251.ª classificada na hierarquia.

Total
0
Shares
Total
0
Share