Gonçalo Oliveira derrota ex-top 40 mundial na estreia em Little Rock

Sara Falcão/FPT

O português Gonçalo Oliveira estreou-se da melhor forma possível no Challenger de Little Rock, nos Estados Unidos. Esta segunda-feira, o tenista luso derrotou o norte-americano Ryan Harrison, que recebeu um wild card da organização, pelos parciais de 7-5 e 7-6[6].

Frente a um ex-top 40 mundial, mas que nesta altura ocupa o 551.º posto da hierarquia na sequência de múltiplos problemas físicos, Gonçalo Oliveira apresentou um grande nível de ténis. O portuense controlou com a primeira bola — venceu 81% dos pontos com o primeiro serviço — e conseguiu incomodar na resposta, sobretudo quando Harrison era obrigado ao segundo serviço.

O norte-americano ainda rubricou 15 ases, mas não teve argumentos para sair por cima frente ao tenista português. Depois de vencer o primeiro set, Oliveira liderou por 4-1 na segunda partida, mas Ryan Harrison converteu o único break point que teve em todo o encontro para regressar à discussão do parcial. No tiebreak, o atleta português eliminou um set point a 5-6 e fechou o encontro pouco depois.

Atualmente no 317.º lugar do ranking ATP, Gonçalo Oliveira vai procurar dar seguimento a uma grande vitória já na segunda ronda. O tenista do Porto vai ter pela frente o indiano Sasi Kumar Mukund (326.º), que derrotou Roberto Cid Subervi, 238.º do Mundo e sétimo cabeça de série, por 6-3 e 6-4.

Total
0
Shares
Total
0
Share