Pedro Sousa desiste no qualifying de Roland-Garros

Millennium Estoril Open

Balde de água fria a abrir a edição de 2021 de Roland-Garros, com Pedro Sousa (111.º do ranking ATP) a desistir do encontro da primeira ronda do qualifying frente ao croata Borna Gojo (232.º) depois de ter estado perto de somar a primeira vitória portuguesa na terra batida francesa.

Quarto cabeça de série da fase de qualificação, o tenista lisboeta de 32 anos esteve perto de fechar a contenda em dois sets, antes da chuva interromper o duelo, mas não conseguiu aproveitar as oportunidades de break de que dispôs nem a liderança por 5-2 no tie-break e perdeu o segundo parcial. Depois, no regresso, jogou apenas dois jogos antes de desistir, aparentemente devido a uma lesão na sequência de um gesto de serviço.

Com a desistência de Pedro Sousa, a comitiva portuguesa no qualifying de Roland-Garros fica a reduzida a Frederico Silva e João Domingues. O caldense estreia-se ainda esta segunda-feira, enquanto o tenista de Oliveira de Azeméis só entra em ação na terça-feira. João Sousa conseguiu acesso direto ao quadro principal.

Total
1
Shares
Total
1
Share