João Sousa soma nova vitória e apura-se para o quadro principal em Lyon

Millennium Estoril Open

Depois de uma pausa de duas semanas, o regresso de João Sousa ao circuito ATP está a correr pelo melhor. O tenista vimaranense conseguiu esta segunda-feira a segunda vitória consecutiva no ATP 250 de Lyon e apurou-se para o quadro principal do torneio francês.

O número um nacional, que desceu esta semana ao 110.º posto no ranking ATP, vingou a derrota sofrida há cerca de um mês frente a Arthur Rinderknech (125.º ATP), na altura na última ronda do qualifying do ATP 250 de Belgrado. Em França, Sousa foi mais forte que o gaulês e venceu por 6-4, 3-6 e 6-3 para carimbar o passaporte para o quadro principal.

O tenista luso não teve um arranque fácil de encontro e rapidamente se viu a perder por 0-3 na primeira partida. Com problemas na direita, que estava a ter pouco andamento na terra batida francesa, João Sousa conseguiu ainda assim dar uma excelente resposta. O vimaranense venceu seis dos últimos sete jogos e arrancou a vitória numa primeira partida onde venceu 76% dos pontos com o primeiro serviço e eliminou seis dos sete break points que enfrentou.

Na segunda partida, Sousa teve os mesmos problemas e voltou a entrar com uma desvantagem de 0-3. O vimaranense conseguiu agarrar os jogos de serviço daí em diante, mas não foi capaz de descobrir sequer break points que pudessem fazê-lo reentrar no set. Obrigado a jogar uma terceira partida, João Sousa entrou muito forte e chegou ao break logo no segundo jogo, ao fim de cinco oportunidades. No jogo seguinte, o vimaranense salvou quatro break points para confirmar a quebra de serviço conseguida e arrancou para um resto de encontro muito tranquilo.

No sexto jogo, com Sousa a servir a 4-2 e a liderar por 30-15, o supervisor foi chamado ao court e esteve durante alguns instantes à conversa com Rinderknech e com o juiz de cadeira, sendo que o tenista francês estava visivelmente descontente. De regresso ao encontro, João Sousa venceu os dois pontos seguintes para chegar ao 5-2 e acabou a fechar o encontro no jogo de serviço que se seguiu.

Apurado para o quadro principal, João Sousa fica agora a aguardar pela colocação dos qualifiers no quadro para conhecer o adversário da primeira ronda. O número um português pode medir forças com Albert RamosRichard Gasquet ou outro tenista oriundo da fase de qualificação (Gregoire BarrereKamil Majchrzak ou Mikael Ymer).

Total
3
Shares
Total
3
Share