Ramos prolonga bom momento com vitória em Madrid; Shapovalov eliminado

Millennium Estoril Open

O campeão do Millennium Estoril Open não tira o pé do acelerador. Albert Ramos voltou a enfrentar problemas físicos na coxa direita e teve de ser assistido, tal como na final no Clube de Ténis do Estoril, mas deu a volta à situação e bateu Taylor Fritz (30.º ATP) por 7-5, 5-7 e 6-4 na primeira ronda do Mutua Madrid Open.

O canhoto de Barcelona eliminou oito dos dez break points que enfrentou ao longo do encontro e converteu os três que teve à disposição. O tenista de 33 anos aproveitou ainda um segundo serviço mais frágil de Fritz – que cometeu ainda cinco duplas faltas – para castigar com a resposta.

No primeiro set, Ramos chegou ao break no terceiro jogo, mas Fritz respondeu de imediato e tudo permaneceu igualado. O norte-americano voltou a ter uma chance para chegar ao break no sexto jogo, mas Ramos aguentou a pressão e avançou ele para o break numa altura crucial do set, já que ficou a servir para a vitória. Nesse momento, Fritz voltou a dispor de um break point, mas o tenista espanhol conseguiu forçar as vantagens e fechou o parcial ao segundo set point.

A segunda partida foi praticamente perfeita por parte de Fritz no que diz respeito ao primeiro serviço. O norte-americano perdeu apenas um ponto com a primeira bola, não enfrentou qualquer break point e colocou sempre muita pressão em Ramos. O espanhol necessitou de ser assistido numa fase inicial do parcial, e apesar de ter conseguido manter um bom nível de ténis, acabou por sofrer o break quando servia a 5-6 para forçar o tiebreak. Contudo, o espanhol manteve o foco, eliminou dois break points para chegar ao 4-4 na terceira partida e avançou de seguida para o break, que lhe permitiu depois fechar o encontro ao serviço.

A vitória na estreia coloca Albert Ramos, que vem numa série de seis vitórias consecutivas e aumentou para 17 o número de triunfos em terra batida em 2021, na segunda ronda do Masters 1000 madrileno. O tenista de 33 anos vai agora defrontar Federico Delbonis (77.º ATP), que afastou Pablo Carreño Busta. O confronto direto entre ambos, incluindo fases de qualificação, Challengers e Futures, indica uma vantagem de 6-4 para o tenista argentino.

Shapovalov volta a sofrer derrota precoce

O canadiano Denis Shapovalov continua a atravessar um momento menos positivo no circuito ATP. O jovem de 22 anos até regressou às vitórias em Madrid, depois da derrota na estreia no Millennium Estoril Open, mas não conseguiu dar seguimento ao triunfo sobre Dusan Lajovic e foi afastado na segunda ronda.

O número 14 mundial e 11.º melhor cotado na Caja Mágica foi derrotado pelo cazaque Alexander Bublik (44.º ATP) em três parciais. Num encontro recheado de grandes pontos, o talentoso tenista de 23 anos prevaleceu com os parciais de 6-4, 5-7 e 6-4 e fica agora à espera de Diego Schwartzman (9.º ATP) ou Aslan Karatsev (27.º ATP) na terceira ronda.

Total
1
Shares
Total
1
Share