Francisca Jorge estreia-se no Oeiras Ladies Open com vitória sobre ex-top 100 WTA

Sara Falcão/FPT

OEIRASFrancisca Jorge qualificou-se, na tarde desta quarta-feira, para a segunda ronda do quadro principal de singulares do Oeiras Ladies Open, ao sair por cima de um encontro que ganhou contornos dramáticos e foi resolvido em três atos — dois deles na jornada anterior — frente a uma jogadora que já esteve no top 100 do ranking mundial feminino.

Depois de ter ganho vantagem na terça-feira, entre o court central e o court 11 (para o qual o encontro foi transferido depois da segunda partida, devido à falta de iluminação, antes de ser interrompido pela chuva), a número um nacional e 464.ª mundial voltou ao campo secundário com a vantagem de um break e conseguiu confirmar a vitória sobre Richel Hogenkamp (atual 229.ª), por 6-1, 3-6 e 6-2.

Tal como na reta final do dia anterior, esta quarta-feira Francisca Jorge reentrou melhor do que a adversária no encontro e segurou o jogo de serviço depois de ser forçada às vantagens para marcar posição e negar a Hogenkamp quaisquer hipóteses de esboçar uma recuperação. Com a iniciativa em todos os pontos, a jovem vimaranense deu o “golpe” final ao oitavo jogo, com a quebra de serviço que lhe permitiu somar uma das melhores vitórias da carreira (e a primeira em ITFs de 60.000 dólares).

Superado o primeiro desafio no Oeiras Ladies Open, Francisca Jorge voltará à ação ainda esta quarta-feira, no court central do Jamor, para defrontar uma ex-número dois mundial de juniores, Daria Snigur, na segunda ronda. Aos 19 anos, a ucraniana é a número 197 WTA e 11.ª cabeça de série do torneio.

Total
6
Shares
Total
6
Share