Castelo Branco: Nuno Borges & Francisco Cabral conquistam título de pares

Nuno Borges & Francisco Cabral 18

Depois do título na Póvoa de Varzim e do vice-campeonato em Setúbal, Nuno Borges & Francisco Cabral voltaram a sair este sábado com o troféu de campeão da competição de pares nas mãos, desta feita no Internacionais de Ténis de Castelo Branco.

Segundos pré-designados da prova albicastrense de 15.000 dólares, Borges & Cabral haviam realizado uma campanha imaculada rumo à grande final (o máximo de jogos cedidos por parcial foi de 5 e só ocorreu uma vez — nos quartos de final).

Contudo, a dupla lusa que já conquistou três títulos em conjunto não foi capaz de replicar esse mesmo ténis e a excelente semana protagonizada no primeiro parcial da decisão, cedendo por 6-1. Ainda assim, os jogadores nortenhos não se deram por vencidos e foram capazes de operar uma excelente reviravolta frente aos terceiros cabeças de série, os franceses Maxime Tchoutakian & Hugo Voljacques, cifrada com os parciais de 1-6, 7-6(4) e [10-8].

Este é o segundo título da temporada enquanto par (quarto no cômputo geral), e note-se que nos três torneios disputados esta temporada, Nuno Borges & Francisco Cabral atingiram sempre a final.

Para Nuno Borges, a ação em Castelo Branco ainda não chegou ao fim: o atleta da Maia pode amanhã (domingo) arrecadar o título de singulares e consumar, portanto, a “dobradinha”, tendo pela frente o qualifier britânico Mark Whitehouse (1326.º).

Avatar
Natural da Ilha do Pico, Açores. Estudante do 3.º ano do curso de Direito da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Amante e seguidor de ténis desde a adolescência.