Vicenza: Gonçalo Oliveira travado por ex-top 50 ATP na estreia

Gonçalo Oliveira-

Terminou cedo a campanha de Gonçalo Oliveira (218.º) na variante individual do Challenger de Vicenza, o único torneio desta categoria que se realiza na presente semana, após o número quatro português ter sido derrotado logo na eliminatória inaugural.

Chegado a solo italiano depois da melhor campanha até ao momento em torneios do Grand Slam (só foi eliminado na derradeira ronda da fase de qualificação de Roland Garros), o tenista portuense de 23 anos não foi capaz de demonstrar o seu melhor jogo esta terça-feira e acabou assim por sair de cena às mãos do veterano espanhol Daniel Gimeno-Traver (212.º), de 32 anos e antigo 48.º ATP, pelos parciais de 6-3 e 6-4.

De referir que Gonçalo Oliveira liderou o primeiro set por 3-0 e o segundo por 4-2, mas revelou-se incapaz de materializar as vantagens de que dispôs, num duelo ibérico que durou cerca de uma hora e meia.

Gorado o apuramento para os oitavos de final de uma prova deste escalão pela segunda ocasião consecutiva (já no Lisboa Belém Open havia ficado pelo embate de estreia, antes de ter viajado para Paris), Oliveira deixa deste modo a representação nacional no quadro de singulares somente a cargo de João Domingues e irá agora concentrar-se exclusivamente na vertente de pares.

Total
1
Shares

Leave a Reply

Total
1
Share