Touro de Manacor entra de rompante em Madrid

Nadal Madrid
Fotografia: Mutua Madrid Open

A esta altura do campeonato já todos percebemos que dificilmente Rafael Nadal não fará o pleno nesta época de torneios jogados sobre terra batida. É que além da série vitoriosa a que tem dado vida nos últimos tempos, importa recordar que o maiorquino está há quase um ano sem perder um único set no pó de tijolo, tendo esta quarta-feira juntado mais dois ao seu pecúlio (já lá vão 48 seguidos).

A estreia do número 1 mundial na edição de 2018 do Masters de Madrid não teve quaisquer adversidades, já que a vitória no embate com Gael Monfils, que realizou apenas o segundo encontro do ano naquela superfície, ficou concluída em 73 minutos e com os parciais de 6-3 e 6-1.

O adversário que se segue no caminho de Rafael Nadal ficará a ser conhecido quando terminar o duelo entre o espanhol Feliciano López e o argentino Diego Schwartzman, mas qualquer um deles terá de jogar a um nível estratosférico para travar um “touro” que está imparável. E se calhar estratosférico é pouco.

Recorde de John McEnroe com os dias contados

O norte-americano John McEnroe pode estar muito perto de ver o seu recorde de 49 sets consecutivos ganhos a ser quebrado. A marca do antigo número 1 do ranking e campeão de sete torneios do Grand Slam foi estabelecida em 1984 em carpete.

Total
1
Shares

Leave a Reply

Total
1
Share