Nadal não vai defender as cores da Espanha na Taça Davis em fevereiro

Fotografia: Ben Solomon/Tennis Australia

Rafael Nadal confirmou este domingo que não irá a jogo na eliminatória entre a Espanha e a Grã-Bretanha a contar para a 1.ª ronda do Grupo Mundial da Taça Davis.

Segundo o jornalista do El Español, Rafael Plaza, o número um mundial já tomou a decisão de não se deslocar até Marbella entre os dias 2 e 4 de fevereiro. Recorde-se que a eliminatória será disputada em terra batida e que a final do Australian Open, do outro lado do mundo, está agendada para dia 29 de janeiro.

“Não posso fazer mudanças de superfícies drásticas. Tentarei ajudar a equipa em tudo o que possa, pois tenho a ambição de ganhar outra vez a Taça Davis”, disse o número um mundial, que afirma que Sergi Bruguera já foi informado da situação.

Posto isto, as duas seleções ficam órfãs dos seus dois maiores símbolos, já que também Andy Murray não estará em condições de jogar. Se não se verificarem mais desistências, Pablo Carreño-Busta e Kyle Edmund deverão, assim, assumir o papel de “comandantes” das respetivas equipas.

Total
1
Shares
Total
1
Share