Nick Kyrgios destrona Grigor Dimitrov e fica a uma vitória da glória em casa

Nick Kyrgios Brisbane
A final de domingo será a primeira de Nick Kyrgios em torneios australianos

Cai um australiano, levanta-se outro. É esta a história das meias-finais do ATP 250 de Brisbane, onde Alex de Minaur se despediu da melhor semana da carreira e Nick Kyrgios deu a volta ao campeão em título para chegar ao encontro decisivo.

A jogar pela primeira vez na carreira o quadro principal do torneio, Nick Kyrgios não tinha tarefa fácil: o adversário desta madrugada (já tarde em Brisbane) era Grigor Dimitrov. O búlgaro, número 3 mundial, não só vinha de um final de 2017 “em alta” como levava vantagem no frente-a-frente entre ambos, ao vencer os dois encontros disputados.

E na verdade parecia encaminhado para mais um triunfo. Porque começou melhor, mais solto e tranquilo, e venceu sem dificuldades o primeiro parcial. Só que o jogador da casa tinha um “truque” na manga e partiu depressa para a reviravolta. Foi, na verdade, um simples piscar de olhos até Kyrgios ligar o turbo e começar a revolucionar o encontro logo ao primeiro jogo do segundo parcial.

Para delírio da maioria dos presentes, claro está, que mais tarde viriam a vibrar com a vitória por 3-6, 6-1 e 6-4, que faz desta a sua primeira final em solo australiano — e que oportunidade: como próximo adversário, o número 21 mundial terá Ryan Harrison.

O tenista norte-americano de 25 anos (e número 47 mundial) foi o responsável pelo desgosto da noite, que lhe vale a tentativa de conquistar um segundo troféu no circuito ATP. É que, na primeira meia-final, Harrison “deu a volta” a um Alex de Minaur inspirado e muito, muito motivado, vencendo pelos parciais de 4-6, 7-6(5) e 6-4 quando já estavam decorridas 2h37 de encontro.

Para o tenista da casa, a aventura terminou, mas para o norte-americano abre-se uma porta com que talvez não sonhasse no início da semana. Em caso de vitória, o campeão de pares do Millennium Estoril Open conquistará o segundo título da carreira em singulares, enquanto Kyrgios procura o quarto. Aconteça o que acontecer, é um grande início de ano para ambas as partes.

Total
2
Shares

Leave a Reply

Total
2
Share