John Newcombe sobre Nick Kyrgios: “O ano de 2018 deverá ser bastante bom para ele, se as lesões o permitirem”

Nick Kyrgios 2018
Fotografia: Brisbane International

O australiano John Newcombe, vencedor por três vezes do torneio de Wimbledon, proferiu algumas declarações relativamente ao que o público pode esperar desta temporada do seu compatriota Nick Kyrgios, aludindo aos pontos fundamentais a que o jovem australiano deve atentar para alcançar bons resultados.

De acordo com o The Courier Mail, Newcombe acredita que Kyrgios irá ser bem sucedido nesta época se apresentar um melhor temperamento dentro de court e se se sentir feliz a jogar. “Estamos apenas no início do ano e eu gostaria de ver se ele está a gostar daquilo que está a fazer”, afirmou.

Para além disso, Kyrgios trata-se de um jogador com uma baixa percentagem de sucesso em jogadas mais longas. “Quando ele defronta jogadores que o mantêm em jogadas longas, ele não ganha muitas dessas jogadas com mais de oito pancadas. Nessas alturas ele baixa muito o nível”, observou Newcombe, que ressalva ainda que caso Kyrgios seja capaz de reverter esta situação, irá conseguir obter bons resultados.

Nick Kyrgios exibe a Medalha Newcombe (galardão que distingue o melhor tenista australiano da época), em 2014. Fotografia: Robert Prezioso

John Newcombe acredita ainda que 2018 pode vir a ser uma época bastante proveitosa para o jovem atleta. “O ano de 2018 deverá ser bastante bom para ele, se as lesões o permitirem”, concluiu, mas atentando que, para se apresentar ao seu melhor nível nos Grand Slams, é fundamental que seja feito um trabalho físico adequado.

“Não se trata apenas de jogar um ou dois jogos à melhor de cinco sets. Jogar um Grand Slam pode implicar jogar todos os dias durante duas semanas. Se se quiser ter bons resultados nos Grand Slams, tem de ser feito trabalho físico nesse sentido”, salientou Newcombe.

De facto, apesar de Kyrgios ter tido alguns resultados notáveis ao longo de 2017, nomeadamente ao nível da Taça Davis e em vitórias frente a Novak Djokovic e a Alexender Zverev, nos torneios do Grand Slam não o conseguiu fazer. “Ele deve pensar ‘os Grand Slams foram terríveis – não fiz justiça a mim mesmo nessas competições'”.

E o próprio Nick Kyrgios sabe que a sua época passada foi algo instável. “Tive alguns momentos incríveis o ano passado e também alguns momentos difíceis, mas espero que as coisas corram bem”, frisou, ele que já tem também algumas expetativas quanto à presente temporada. “Eu sei que vão haver alguns altos e baixos este ano, mas espero que isso vá melhorando a cada ano que passe”, apontou, garantindo que tem assumido uma postura mais profissional na gestão da sua condição física.
Total
2
Shares

Leave a Reply

Total
2
Share