Caroline Garcia continua a brilhar em solo asiático e já está noutra final

Uma semana depois de ter conquistado o título mais importante da carreira, Caroline Garcia continua a brilhar em solo asiático e determinada em aumentar o palmarés. Este sábado, foi a vez de carimbar o acesso à decisão do torneio de Wuhan.

Há uns anos apontada por Andy Murray como futura número 1 do mundo, a tenista francesa somou este sábado o seu 12.º triunfo em 13 encontros disputados desde o US Open, derrotando a checa Petra Kvitova por 6-3 e 7-5. A vitória ganha ainda mais valor se considerada a batalha de 3h21 que a gaulesa ganhou frente a Elina Svitolina já no final da jornada de sexta-feira.

Com seis vitórias em Wuhan (e o título no Premier 5) e quatro em Pequim, Caroline Garcia vai lutar por mais um título. Para isso, terá de derrotar nada mais, nada menos do que Simona Halep, a nova líder do ranking que hoje derrotou Jelena Ostapenko.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."