Masters Roma: Alexander Zverev fecha elenco das meias-finais

Fotografia: Internazionali BNL d'Italia

Foi o último encontro do dia aquele que opôs Alexander Zverev a David Goffin. Zverev foi o mais forte e ocupou a última vaga disponível nas meias finais do Masters de Roma, defrontando Marin Cilic este sábado.

O jovem alemão acabou por ser o mais consistente nos momentos decisivos e, com uma terceira partida jogada a um nível muito elevado, derrotou o belga por 6-4, 3-6 e 6-3 ao cabo de uma hora e quarenta e nove minutos de encontro.

O germânico alcança assim a sua 12ª vitória consecutiva sobre terra batida, isto depois de ter sido derrotado pela última vez nas meias finais do Masters de Monte Carlo pelo nipónico Kei Nishikori.

Por outro lado, Zverev estabelece também a marca de quatro meias finais consecutivas em torneios da categoria Masters 1000. O último torneio onde o alemão não alcançou esta fase foi Indian Wells, quando foi derrotado na segunda ronda pelo português João Sousa.

Numa jornada de sábado que promete ser história para o ténis português (João Sousa disputa pela primeira vez umas meias finais de um torneio da categoria Masters 1000), Alexander Zverev e Marin Cilic disputarão a segunda meia final nunca antes das 20h locais (menos uma hora em Portugal Continental).

A primeira meia final colocará frente-a-frente o espanhol Rafael Nadal e o sérvio Novak Djokovic. Será o primeiro embate entre estas duas referências da modalidade desde o torneio de Madrid em 2017.

Diogo Leite
Licenciado em Gestão e com o Mestrado em Finanças concluído. É um apaixonado por ténis e padel. Adora conhecer tudo e todos dentro da modalidade, bem como estar a par das recentes notícias.