Já são conhecidos os novos campeões nacionais de squash sub 15 e 19

Campeonato Nacional de Squash 2018

O Lisboa Racket Centre voltou a ser palco dos Campeonatos Nacionais de Squash nos escalões de sub 15 e sub 19, que aconteceram este fim de semana e coroaram os primeiros campeões da nova temporada.

Em femininos, as vitórias sorriram a Constança Almeida e Beatriz Dias, primeiras cabeças de série dos respetivos quadros.

No de sub 15, Constança Almeida do Anadia Squash Clube, terminou invicta, ao vencer Mariana Ferreira (segunda pré-designada) por 11-10, 11-0 e 11-1, Leonor Junqueiro por 11-1, 11-0 e 11-3 e ainda Maria Santos, por 11-2, 11-1 e 11-4. Uma situação que, aliás, se prolongou a Beatriz Dias, também do Anadia Squash Clube, que levou a melhor perante Mariana Martins (segunda candidata ao título) por 5-11, 11-8, 11-5, 8-11 e 11-6 e ainda Francisca Ramalheira, por 11-3, 11-1 e 11-1.

Já em masculinos, os troféus mais desejados foram entregues a Pedro Silva e Simão Neves, o único não cabeça de série a terminar o fim de semana no Lisboa Racket Centre como campeão.

Em sub 15, Pedro Silva não perdeu qualquer parcial até ter o troféu nas mãos: primeiro venceu Gabriel Neto (11-1, 11-6 e 11-2), depois Eduardo Alexandre Pereira (11-1, 11-3 e 11-1) e, por fim, João Pedro Mendes, por 11-7, 11-3 e 11-6.

O quadro do escalão masculino de sub 19 foi o que com mais jogadores contou. No total, 10 jogadores lutaram pelo título, que acabou entregue ao responsável pela eliminação do primeiro cabeça de série: Simão Neves, que começou por bater Daniel Sanches (8-11, 11-6, 14-12 e 11-8), depois passou, então, por Pedro Carvalho (o primeiro candidato) com 11-3, 11-1 e 11-3 e ainda por David Sanches (3-11, 11-4, 11-3 e 11-8) e, já na grande final, Bruno Gomes, com parciais de 11-4, 11-6 e 11-8.

Os quadros e resultados completos podem ser consultados aqui.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegou o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."