Kei Nishikori vence e convence rumo à primeira final no circuito Challenger desde 2010

Kei Nishikori
Último título do japonês no circuito aconteceu naquele que tinha sido o torneio de despedida.

Está a correr bem a segunda semana do regresso aos courts de Kei Nishikori. Aos 28 anos, o japonês está em Dallas a disputar mais um torneio Challenger e, ao contrário do que acontecera em Newport, está a dar-se bem, tendo garantido na noite desta sexta-feira o apuramento para o encontro decisivo.

A disputar apenas o seu segundo torneio no escalão secundário do circuito ATP desde a temporada de 2010, o atual número 27 do ranking mundial alinhou a exibição mais convincente desde o regresso para levar a melhor frente a Jason Jung.

Primeiro cabeça de série do torneio, que distribui 125.000 dólares em prémios monetários, Nishikori venceu o tenista do Taipé (atual 234.º posicionado na tabela ATP) em parciais diretos, com 6-4 e 6-4.

Já com três vitórias na competição, o ex-número 4 mundial vai agora medir forças com o vencedor do encontro entre Denis Kudla e Mackenzie McDonald, dois jogadores da casa, no jogo de atribuição do título. Se vencer, Kei Nishikori erguerá o seu primeiro troféu de campeão em torneios Challenger pela primeira vez desde aquele que tinha sido precisamente o evento do adeus ao circuito: Knoxville, em 2010, quando derrotou Robert Kendrick por 6-1 e 6-4 no duelo decisivo.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegou o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."