Swiatek despede-se de Guadalajara com vitória de honra no WTA Finals

Iga Swiatek entrou em court já com o bilhete de regresso à Polónia marcado, mas fez questão de se despedir da sua estreia no WTA Finals com uma vitória e derrotou Paula Badosa por 7-5 e 6-4 no encontro que inaugurou a jornada desta segunda-feira em Guadalajara, no México. Para a espanhola, que venceu os dois primeiros encontros da fase de grupos, o destino também já estava traçado: vai defrontar a compatriota Garbiñe Muguruza nas meias-finais de terça-feira.

Quinta cabeça de série, Swiatek tinha perdido os dois primeiros encontros no “Masters” de final do ano e por isso já não tinha qualquer hipótese matemática de se apurar para as meias-finais. Mas a possibilidade de somar a primeira vitória da carreira no evento continua em cima da mesa e a polaca aproveitou-a ao cabo de 1h39, conseguindo vingar a derrota sofrida nos Jogos Olímpicos de Tóquio ao recuperar de um break de desvantagem em ambos os parciais.

Desta forma, a campeã de Roland-Garros em 2020 conseguiu encerrar com um aspeto positivo a curta passagem pelo seu primeiro WTA Finals, mas Badosa também saiu do campo com razões para sorrir: o resultado em nada afetou o seu estatuto de vencedora do Grupo Chichén Itzá, conseguido com triunfos em duas partidas sobre Aryna Sabalenka e Maria Sakkari, que se defrontam na madrugada desta terça-feira.


Total
2
Shares
Total
2
Share