Matilde Jorge e Sara Lança completam meias-finais do Campeonato Nacional

OEIRAS — Depois de Francisca Jorge e Inês Murta avançarem com tranquilidade para as meias-finais do Campeonato Nacional Absoluto/Taça Guilherme Pinto Basto, Matilde Jorge e Sara Lança tiveram de ultrapassar batalhas significativamente mais equilibradas para completarem o elenco da penúltima fase do quadro principal de singulares da prova, que acontece nos campos cobertos do Complexo de Ténis do Jamor.

Numa reedição das meias-finais do Campeonato Nacional de Sub 18 que venceu em Lousada, Matilde Jorge teve de batalhar durante 2h48 para sair por cima do reencontro com Mariana Campino e vencer por 7-5, 0-6 e 7-5.

No encontro mais equilibrado da primeira parte da jornada desta quinta-feira, Campino liderou por três vezes com um break na terceira partida e na última dessas ocasiões serviu para o encontro, mas não conseguiu capitalizar nenhuma das oportunidades e acabou por ver escapar a vitória que lhe daria umas meias-finais inéditas.

Ao somar a segunda vitória da semana, Matilde Jorge (que é a terceira cabeça de série fruto do 817.º lugar no ranking WTA) marcou encontro com Inês Murta. A vimaranense, atualmente com 17 anos, jogou a final do Campeonato Nacional Absoluto em 2019, enquanto a algarvia, de 24 anos, foi vice-campeã em 2015, 2016 e 2020.

Igualmente equilibrado, mas ligeiramente mais curto foi o duelo que viu Sara Lança levar a melhor sobre Maria Garcia (a atual campeã nacional de sub 16). Convidada pela organização, a jogadora do CIF precisou de 2h25 para triunfar por 7-6(1) e 7-5, um resultado que lhe permitiu juntar-se à tetracampeã nacional, Francisca Jorge, nas meias-finais.


Total
2
Shares
Total
2
Share