João Sousa eliminado nos quartos de final do Challenger de Tenerife

João Sousa (número 150 do ranking ATP) despediu-se esta sexta-feira do Challenger de Tenerife, nas Ilhas Canárias, ao ser eliminado nos quartos de final do quadro principal de singulares pelo russo Andrey Kuznetsov (ex-top 40 e atual 281.º).

No quarto encontro da história entre ambos, o vimaranense de 32 anos sofreu a quarta — e mais equilibrada — derrota, ao perder por 7-6(6) e 6-3 depois de 1h39 num confronto que chegou a liderar não só por um break (4-2) como por um mini-break (4-2 e 5-4) no tie-break, sempre no primeiro set.

Falhando nos momentos decisivos, João Sousa acabou por perder a primeira partida e na segunda já não conseguiu manter a concentração, permitindo a Kuznetsov caminhar de forma mais folgada para a vitória que impediu o português de atingir as terceiras meias-finais consecutivas.

Com a derrota, o Challenger de Tenerife ficou sem representação portuguesa em singulares, uma vez que Frederico Silva já tinha sido eliminado por Feliciano López e que Nuno Borges caiu esta sexta-feira perante Fernando Verdasco.

No entanto, em pares mantém-se a possibilidade de haver “festa” lusa, uma vez que na reta final da jornada Nuno Borges e Francisco Cabral garantiram o apuramento para a final de pares.

Quanto a João Sousa, jogará na próxima semana o Challenger de Bratislava, a capital da Eslováquia, também em piso rápido (mas indoor).


Total
0
Shares
Total
0
Share