Miguel Gomes e Gonçalo Falcão apurados para o quadro principal em Sintra

Miguel Gomes e Gonçalo Falcão qualificaram-se, na tarde desta terça-feira, para o quadro principal de singulares do segundo torneio internacional de 25.000 dólares organizado na Beloura Tennis Academy, em Sintra, e juntaram-se a cinco compatriotas.

A disputar o primeiro torneio do ITF World Tennis Tour em quase dois anos — pelo meio, participou em três dos quatro Challengers Oeiras Open que a Federação Portuguesa de Ténis organizou no Jamor —, Miguel Gomes confirmou o estatuto de 13.º cabeça de série do qualifying e eliminou o compatriota Martim Simões (a grande revelação dos primeiros dias, ao eliminar Henrique Rocha) por 6-4, 3-6 e 10-4.

No quadro principal, o jovem português de 18 anos, que na última semana passou o qualifying do US Open júnior, poderá enfrentar o primeiro pré-designado do torneio, Yuta Shimizu, mas para isso terá de ultrapassar primeiro o britânico Evan Hoyt.

Já o mais experiente Gonçalo Falcão nem precisou de concluir o duelo com Rodrigo Deleu, que foi forçado a desistir devido a problemas físicos quando o marcador registava 6-3 e 3-0. Já no quadro principal, o tenista português vai defrontar o francês Valentin Royer e, em caso de êxito, pode marcar encontro com Luís Faria se este contornar o norte-americano Felix Corwin.

Ainda esta terça-feira teve início o quadro principal deste M25 de Sintra, com Tiago Cação a pisar o court e a ser interrompido num dia muito prejudicado pelo mau tempo. Depois de um arranque para esquecer, o penichense elevou o nível diante de Alejandre Moro Canas e liderava o segundo set (1- e 4-3) quando a conclusão da contenda foi adiada.

Total
38
Shares
Total
38
Share