Rublev reinventa-se, surpreende Medvedev e apura-se para a final em Cincinnati

Surpresa em Cincinnati: contra todas as expetativas, Andrey Rublev derrotou Daniil Medvedev por 2-6, 6-3 e 6-3 para carimbar o apuramento para a final de Cincinnati — a segunda da carreira em torneios ATP Masters 1000, depois de ter sido finalista em Monte Carlo.

Apesar de ambos figurarem no top 10 mundial, o emparelhamento entre os dois russos era, à entrada para a jornada deste sábado, um dos que menos expetativas criava dado não só ao historial (Medvedev tinha ganho os cinco encontros anteriores, sempre em sets diretos), mas sobretudo devido à incapacidade de Rublev “furar” o ténis do adversário com o seu poder de bola.

Mas a história desta meia-final foi (quase toda) diferente: se na primeira partida se voltou a confirmar o domínio de Medvedev, número dois mundial que no domingo conquistou o ATP Masters 1000 de Toronto, no Canadá, a partir do segundo parcial foi Rublev quem assumiu o comando das operações. Com a agressividade que o caracteriza e a paciência necessária para desenhar uma dificílima vitória sobre o compatriota em superfícies rápidas, o moscovita de 23 anos também contou com a ajuda de um incidente para ganhar o ascendente psicológico, dado que na tentativa de chegar a uma bola Medvedev colidiu com um operador de câmara, perdeu o temperamento e precisou de ser assistido.

Incidentes à parte, porque o também moscovita (mas dois anos mais velho) recuperou depois do medical time-out, o mérito foi de Rublev, que aproveitou a oportunidade para crescer no court e confirmar um resultado que poucos — inclusive o próprio — esperavam.

Número 7 do ranking ATP, Andrey Rublev qualificou-se para a final de um ATP Masters 1000 pela segunda vez na carreira, três meses depois de ter terminado como vice-campeão em Monte Carlo. Este domingo, em Cincinnati, pode ter a separá-lo do primeiro troféu a este nível precisamente o adversário que o superou na terra batida monegasca, caso Stefanos Tsitsipas supere Alexander Zverev numa meia-final que está marcada para as 23 horas de Portugal Continental.

Última atualização às 20h41.


Total
22
Shares
Total
22
Share