Diogo Morais conquista primeiro título internacional de singulares na Oporto Sistelmar Cup

Beatriz Ruivo/FPT

Aos 16 anos, Diogo Morais (443.º do ranking mundial da categoria) somou este sábado o primeiro título internacional e fê-lo na Oporto Sistelmar Cup, prova júnior do ITF World Tennis Tour. Momentos depois da compatriota Maria Santos ter sido feliz nos courts do Clube de Ténis do Porto, ao conquistar o segundo troféu consecutivo, foi a vez do atleta do Club Internacional de Foot-ball (CIF) garantir um novo êxito português.

Após ter conseguido alcançar duas meias-finais consecutivas nas campanhas anteriores em solo luso – primeiro em Lousada e depois em Leiria -, o lisboeta Diogo Morais voou mais longe e uma presença na final não lhe bastou: de forma autoritária, superiorizou-se ao espanhol Alejandro Melero Kretzer e os parciais de 6-2 e 6-2 fizeram-lhe valer o estatuto de terceiro pré-designado.

Na competição de singulares da prova portuense, Diogo Morais e Henrique Petiz, primeiros cabeças de série, cederam nas meias-finais diante de Miguel Avendano Cadena e Alejandro Verdasco, duo castelhano que na final viria a triunfar diante de Alejandro Melero Kretzer e Jinpeng Tang, por 6-2 e 6-2.

Com duas semanas marcantes para o seu percurso enquanto tenista, onde somou as primeiras conquistas a nível internacional – em Leiria, venceu o torneio de pares e, agora no Porto, foi feliz no de singulares -, Diogo Morais prepara o ataque à prestigiada Taça Diogo Nápoles, também na cidade invicta, onde será quinto cabeça de série.

Total
1
Shares
Total
1
Share