Maria Santos e Matilde Morais marcam encontro nas meias-finais no Porto

Beatriz Ruivo/FPT

As meias-finais femininas da Oporto Sistelmar Cup 2021 ficaram definidas na manhã desta quinta-feira. Maria Santos, primeira cabeça de série, voltou a confirmar o favoritismo e assegurou um lugar entre as quatro melhores do torneio. No lote restrito está também Matilde Morais, ao passo que Mafalda Guedes não conseguiu ultrapassar os quartos de final da prova.

No primeiro encontro do dia no Court Central, Maria Santos — 288.ª no ranking mundial de juniores — superou a canadiana Scarlett Nicholson, quinta pré-designada e 666.ª na hierarquia mundial. A tenista de 17 anos foi forçada a disputar três sets pela adversária, dois anos mais jovem, mas manteve-se firme e consumou a vitória com os parciais de 6-3, 3-6 e 6-3.

Nas meias-finais, Maria Santos vai defrontar a outra tenista portuguesa apurada para o top 4: Matilde Morais, quarta cabeça de série e número 804 no ranking do escalão. A tenista do Estoril, de 16 anos, impôs-se à espanhola Cayetana Gay, dois anos mais jovem e sem colocação no ranking, com os parciais de 6-0 e 6-3. O torneio portuense é a quarta prova que Morais disputa em 2021 e este é o melhor resultado que obteve até ao momento (fez segunda ronda na Lousada Junior Cup I, primeira ronda na Lousada Junior Cup II e segunda ronda no XXVI Internacional Júnior de Leiria).

Uma tenista portuguesa na final de singulares femininos está garantida, mas a hipótese de uma final totalmente lusa caiu por terra também esta quinta-feira. Mafalda Guedes, a última tenista portuguesa na metade inferior do quadro, até esteve em vantagem diante da italiana Noemi Basiletti (1622.ª), mas permitiu a reviravolta e ficou fora da prova. A segunda cabeça de série e 636.ª cotada no ranking mundial cedeu por 6-7[4], 6-1 e 6-4. A outra semifinalista, que vai defrontar Basiletti, é a espanhola Andrea Palazon (1009.ª), que derrotou a alemã Vicky Veloso (1892.ª) por 7-5, 3-6 e 6-3.

Total
5
Shares
Total
5
Share