João Domingues cede na primeira ronda do quadro principal em Poznan

Sara Falcão/FPT

Depois de ter rubricado dois triunfos na fase de qualificação, João Domingues estreou-se esta terça-feira no quadro principal do Challenger de Poznan, na Polónia. O tenista oliveirense não conseguiu discutir o encontro de igual para igual com o argentino Pedro Cachín (275.º ATP) e cedeu em duas partidas, com os parciais de 6-3 e 6-1.

No mesmo dia em que Gastão Elias também se despediu da prova de singulares em Poznan, João Domingues até entrou bem no encontro e consumou o primeiro break para chegar ao 2-1. No entanto, o tenista luso não conseguiu confirmar a quebra de serviço, permitiu o contra-break e Cachín arrancou para quatro jogos consecutivos que o deixaram a vencer por 5-2. A série do sul-americano foi travada por um jogo de serviço que Domingues fechou nas vantagens, mas o dano estava feito e o argentino regressou ao serviço para fechar o set.

O segundo parcial começou a fugir desde cedo para o lado de Pedro Cachín, que quebrou o serviço a Domingues logo a abrir e confirmou o break com o serviço para chegar ao 2-0. O tenista luso, 240.º no ranking ATP, reduziu a desvantagem para 2-1, mas não conseguiu voltar ao marcador e os quatro jogos que se seguiram caíram todos para o lado do opositor, que selou o triunfo ao fim de uma hora e 27 minutos.

O triunfo apura Pedro Cachín para a segunda ronda e coloca o alternate sul-americano no caminho do checo Zdenek Kolar, número 182 mundial e quinto cabeça de série do torneio. Quanto a João Domingues, deverá voltar a atuar em singulares já na próxima semana, ao que tudo indica em Liberec, na República Checa. O tenista de Oliveira de Azeméis precisa de uma desistência para se juntar a Frederico Silva no quadro principal e deverá optar por Liberec em detrimento de Cordenons, onde precisaria de nove desistências para entrar no quadro.

Total
1
Shares
Total
1
Share