Mesatenista Hend Zaza, de 12 anos, perde na estreia nos Jogos Olímpicos

Hend Zaza é uma rapariga de 12 anos que, como tantas outras pelo mundo fora, pratica ténis de mesa, mas agarradas ao seu nome tem duas características que a tornam especial: nasceu na Síria, o que significa que desde pequena tem de “fintar” os conflitos armados para perseguir a sua paixão, e este sábado tornou-se na atleta olímpica mais nova dos últimos 53 anos, sendo mesmo a praticante mais nova de sempre desta modalidade a chegar aos Jogos Olímpicos.

Nascida a 01 de janeiro de 2009, Hend Zaza — que na sexta-feira foi a porta-estandarte da Síria na Cerimónia de Abertura — perdeu com a veterana austríaca Liu Jia, de 39 anos, por 4-0, parciais de 11-4, 11-9, 11-3 e 11-5.

Depois de ter feito história ao tornar-se na primeira mesatenista da história da Síria a competir nos Jogos Olímpicos, Hend Zaza tornou-se na mais jovem atleta olímpica desde que Beatrice Hustiu competiu, com apenas 11 anos, na prova de patinagem artística dos Jogos Olímpicos de Inverno de 1968.

Total
8
Shares
Total
8
Share