Elias, Domingues e Oliveira já conhecem primeiros adversários em Tampere

Sara Falcão/FPT

Os portugueses Gastão Elias, João Domingues e Gonçalo Oliveira já têm definidos os primeiros adversários no Challenger de Tampere, na Finlândia. O trio luso é responsável pela totalidade da presença portuguesa no circuito Challenger na próxima semana, ao disputar o evento da categoria Challenger 80 e que tem cerca de 45 mil euros para distribuir em prémios monetários.

A atravessar um momento menos positivo, com oito derrotas consecutivas, João Domingues vai tentar colocar um fim à série negativa esta semana. Contudo, o oliveirense vai ter uma tarefa complicada logo na estreia: defronta Mario Vilella Martínez, número 178 mundial e quarto cabeça de série, que disputa este domingo a final do Challenger de Todi e chega à Finlândia com os índices de confiança bem altos. Os dois já se defrontaram anteriormente em duas ocasiões, com Domingues a triunfar na final de um Future, em Espanha, na época de 2016. Três anos mais tarde, em Lisboa, Vilella Martínez foi mais forte. Em caso de vitória, Domingues defronta depois um qualifier ou o argentino Pedro Cachín (276.º) na segunda ronda.

Na metade inferior do quadro surgem Gonçalo Oliveira e Gastão Elias. O portuense, que este sábado se sagrou vice-campeão de pares em Amersfoort, vai estrear-se precisamente contra um dos tenistas que defrontou nessa final: Manuel Guinard, número 264 no ranking ATP. O tenista francês é já um velho conhecido de Gonçalo Oliveira e este será o quinto embate entre ambos. O português venceu os primeiros três duelos, todos em torneios Future, e Guinard reduziu a desvantagem no confronto direto em 2019, no Challenger de St. Brieuc. Se conseguir superar o primeiro obstáculo, Gonçalo Oliveira vai depois medir forças na segunda ronda com o belga Kimmer Coppejans (191.º), sexto cabeça de série, ou com o búlgaro Dimitar Kuzmanov (238.º).

Quanto a Gastão Elias, este ficou com a tarefa, na teoria, mais complicada. O tenista da Lourinhã vai defrontar o suíço Henri Laaksonen, ex-top 100 mundial e atual 134.º classificado na hierarquia. O helvético, de 29 anos, é o segundo cabeça de série do torneio e um adversário novo para Elias, que nunca o encontrou anteriormente. Em caso de vitória, o tenista português encontra depois um qualifier ou Facundo Mena (258.º) na segunda eliminatória. Uma vez que ambos estão inseridos na metade inferior do quadro, Elias e Oliveira poderão encontrar-se eventualmente nos quartos de final, caso ambos lá consigam chegar.

Challenger-Tampere-sorteio
Total
1
Shares
Total
1
Share