Teste positivo à covid-19 afasta Daniel Evans dos Jogos Olímpicos

A lista de desistências para Tóquio não pára de aumentar e, esta quarta-feira, também o britânico Daniel Evans retirou o nome do torneio. No caso do número 28 mundial, devido a um teste positivo ao coronavírus.

“Infelizmente testei positivo à covid-19. Por isso, não poderei preparar-me e estar pronto para participar nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Estou extremamente desapontado e em isolamento, seguindo o protocolo estabelecido pelo governo. Desejo a toda a equipa britânica o melhor para os Jogos e espero voltar aos courts o mais rápido possível”, escreveu o natural de Birmingham numa carta publicada pela Lawn Tennis Association.

E a covid-19 não faz estragos apenas no panorama masculino dos escolhidos para representar o Reino Unido: na competição feminina, Johanna Konta também se viu forçada a falhar a viagem para a capital japonesa devido a um teste positivo, precisamente um dia antes do compatriota.

Com o número um das terras de Sua Majestade fora das contas, é Andy Murray a segurar a bandeira nos singulares masculinos, sendo Heather Watson a única representante feminina nessa variante. Já nos pares, o escocês forma dupla com Joe Salisbury.

Total
5
Shares
Total
5
Share