John McEnroe: “Roger Federer nunca mais vai voltar a ganhar um Grand Slam”

Numa luta bem acesa que tem gerado grande debate sobre quem será o jogador com mais títulos do Grand Slam, Roger Federer e Rafael Nadal partilham o topo do pódio alusivo a esta estatística, com 20 êxitos para cada. São, todavia, perseguidos bem de perto por Novak Djokovic – com 19 troféus no curriculum –, que é, para John McEnroe, aquele que vencerá a corrida.

A antiga estrela norte-americana aposta com convicção que a liderança de Federer e Nadal está a aproximar-se do fim, já que o sérvio dominará os próximos eventos Major: “Acredito que Roger Federer nunca mais voltará a ganhar um Grand Slam. Rafael Nadal poderá ainda ganhar mais um e Novak Djokovic vai vencer mais uns quatro ou cinco. Claro que depende da saúde de cada um, mas é essa a minha previsão”, confessou McEnroe à BBC Radio 5.

Recorde-se que Novak Djokovic mantém um registo invicto em provas do Grand Slam esta temporada, já que ergueu os títulos do Australian Open e em Roland Garros, e este domingo procura o sexto êxito em Wimbledon. O tenista de Belgrado sonha ainda com a primeira medalha olímpica em Tóquio antes do ataque a Nova Iorque. Contudo, o Career Golden Slam está fora do seu alcance, pelo menos para McEnroe: “Ele vai perder nos Jogos Olímpicos. Alguém o irá surpreender e isso vai acordá-lo para conquistar o US Open.”

A acontecer, Novak Djokovic seria o primeiro homem desde Rod Laver – que o fez não só em 1962 mas também em 1969 – a conquistar numa só temporada os quatro torneios do Grand Slam.

Total
1
Shares
Total
1
Share