London calling: Kvitova fora, Swiatek vitoriosa e maratonas em dia mais curto do que o previsto

London calling é o resumo diário que o Raquetc prepara sobre a ação que aconteceu nos courts do All England Club. A jornada desta segunda-feira em Londres foi mais curta do que o previsto, já que a chuva levou a um atraso no arranque dos encontros. Vai faltar à chamada?

O afastamento de Stefanos Tsitsipas, bem como as vitórias de Novak Djokovic, Andy Murray, Aryna Sabalenka e Garbiñe Muguruza, estão na ordem do dia. No entanto, muito mais aconteceu nos vários courts do All England Club. Começamos pelo vice-campeão de 2018, Kevin Anderson, que não se deixou abalar pelo primeiro set perdido diante de Marcelo Tomás Barrios Vera, triunfou — 6-7[4], 6-4, 6-4 e 7-6[4] — e marcou encontro com Djokovic na próxima ronda.

No quadro feminino surgiu a segunda grande surpresa do dia, depois do afastamento de Tsitsipas: a derrota de Petra Kvitova. A tenista checa cedeu em dois sets — 6-3 e 6-4 — para Sloane Stephens e está fora da corrida ao título no mesmo dia em que Iga Swiatek — 6-4 e 6-4 a Su-Wei Hsieh — e Sofia Kenin — 6-4 e 6-2 a Xinyu Wang — se estrearam a vencer. Ainda no quadro feminino, o Reino Unido sofreu mais um rude golpe: depois da desistência de última hora de Johanna Konta, devido a um teste positivo à Covid-19 na equipa técnica da britânica, Heather Watson despediu-se na estreia. A 68.ª classificada do ranking WTA teve um match point frente a Kristie Ahn no último encontro do dia, mas perdeu por 2-6, 7-6[3] e 8-6. Antes, durante o dia, Katie Boulter apurou-se para a segunda ronda com uma vitória por 6-7[6], 6-3 e 6-4 sobre Danielle Lao.

Voltamos ao quadro masculino para falar, em primeiro lugar, de Andrey Rublev. O russo, finalista em Halle, perdeu o primeiro set frente a Federico Delbonis, mas terminou em grande e venceu por 4-6, 6-4, 6-1 e 6-2. Num dos destaques do dia, Marton Fucsovics agigantou-se e bateu Jannik Sinner em quatro sets, com os parciais de 5-7, 6-3, 7-5 e 6-3. A grande maratona do dia, no entanto, é uma que ainda vai ser concluída: Oscar Otte e Arthur Rinderknech estão obrigados a regressar na terça-feira ao Court 8 para terminar um embate que foi interrompido pela falta de luz natural numa altura em que o marcador assinalava o resultado de 9-9 no quinto set. Na única “maratona” do dia que ficou efetivamente concluída, Denis Kudla recuperou de dois sets de desvantagem para derrotar Alejandro Davidovich Fokina por 5-7, 4-6, 7-6[4], 6-3 e 6-3.

Total
10
Shares
Total
10
Share