Angelique Kerber regressa aos títulos pela primeira vez em três anos com vitória em casa

Três anos depois de se ter sagrado campeã em Wimbledon, a ex-número um mundial Angelique Kerber (atual 28.ª no ranking WTA) voltou a erguer um troféu de campeã ao derrotar Katerina Siniakova (76.ª) por 6-3 e 6-2 na relva de Bad Homburg, a 20km de Frankfurt, onde inaugurou a galeria de campeãs deste WTA 250 com uma festa alemã.

Já com 33 anos, a tenista natural de Bremen chegou aos 14 títulos da carreira com uma exibição muito autoritária apenas poucas horas depois de ter passado por uma exigente jornada dupla que culminou num triunfo sobre Petra Kvitova no tie-break do terceiro set.

Com o triunfo deste sábado, Kerber colocou um ponto final no jejum que se prolongava desde que conquistou o terceiro e último título do Grand Slam, em Wimbledon, e terminou da melhor forma possível a preparação para o regresso à relva do All England Club, onde a partir de segunda-feira se jogam os quadros principais do “Major” britânico.

Quanto a Siniakova, despediu-se de Bad Homburg com o melhor resultado do ano (tinha sido semifinalista em Praga, Itália) e o terceiro troféu de vice-campeã da carreira noutras tantas finais.

Este sábado ainda será coroada mais uma campeã no circuito feminino, mas em Eastbourne, onde a estónia Anett Kontaveit e a letã Jelena Ostapenko lutam pelo título no WTA 250 britânico.

Total
10
Shares
Total
10
Share