Pandemia volta a levar ao cancelamento do ATP 500 de Basileia

O ATP 500 de Basileia está oficialmente cancelado pelo segundo ano consecutivo. A pandemia de Covid-19 volta a estar na origem na decisão e o torneio, que ia jogar-se de 25 a 31 de outubro, fica mais uma vez de fora do calendário do circuito masculino.

“É desapontante que, devido aos constantes desafios da pandemia e apesar dos esforços da equipa do torneio para arranjar soluções, o Swiss Indoors Basel não vá para a frente em 2021. Estamos ansiosos pelo regresso do evento como um dos nossos maiores torneios indoor em 2022″, afirmou Andrea Gaudenzi, presidente da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP).

Também o diretor do torneio, Roger Brennwald, se manifestou: “É de coração pesado que tomamos a decisão, em conjunto com a ATP, de cancelar o torneio deste ano. O nosso foco agora está em montar um torneio seguro e de sucesso em 2022, com condições que esperamos que ofereçam maior certeza em relação às nossas operações. Estamos ansiosos por receber de volta os jogadores e os adeptos no próximo ano”.

O Swiss Indoors Basel realizou-se pela primeira vez em 1970 — Klaus Berger foi o primeiro campeão — e tem estado presente no calendário da ATP desde então. O torneio não se realizou pela primeira vez em 2020 e vai voltar a não se realizar em 2021, por conta da pandemia de Covid-19. O suíço Roger Federer é o campeão em título e tem no palmarés dez troféus (2006, 2007, 2008, 2010, 2011, 2014, 2015, 2017, 2018 e 2019), o recorde da prova.

Total
0
Shares
Total
0
Share