Jeu, set et match: Pironkova cai com estrondo e Alcaraz fica à porta do quadro principal

Jeu, set et match é o resumo diário do Raquetc sobre tudo aquilo que se passa nos courts de Roland-Garros. O terceiro dia de competição trouxe surpresas, mas também vitórias de alguns favoritos a passar a ronda de qualificação e que ficaram agora a um triunfo de alcançar o quadro principal.

O resultado mais surpreendente do dia aconteceu no quadro feminino e significou o afastamento de Tsvetana Pironkova. A tenista búlgara já tinha passado por dificuldades no primeiro encontro e esta quarta-feira teve novamente o desafio de fazer acontecer uma reviravolta para se manter viva na competição. A décima cabeça de série ainda conseguiu forçar o terceiro set e parecia bem encaminhada para a vitória, mas desperdiçou uma vantagem de 3-0 e acabou afastada pelos parciais de 6-4, 2-6 e 6-3 por Susan Bandecchi.

Ainda no quadro feminino, Sara Errani, quinta melhor cotada e vice-campeã da edição de 2012, também foi derrotada esta quarta-feira. A italiana cedeu para a espanhola Nuria Parrizas-Diaz por 4-6, 6-4 e 6-2. Em relação à primeira cabeça de série, Vera Zvonareva, esta ficou a uma vitória do quadro principal, depois de ter derrotado Mariam Bolkvadze por 6-3 e 6-1.

Também a um triunfo do quadro principal está a australiana Ellen Perez, treinada por Maria João Koehler, que bateu Alexandra Dulgheru por 6-0, 4-6 e 7-6[2]. No lote de vencedoras do dia incluem-se também Ana Konjuh (6-3 e 7-5 a Timea Babos) e María Camila Osorio Serrano (6-4 e 6-0 a Richel Hogenkamp), duas tenistas que têm vindo a viver grandes momentos de forma.

No que diz respeito ao quadro masculino, o primeiro nome que salta à vista na lista de vencedores desta quarta-feira é o de Carlos Alcaraz. O espanhol venceu Andrea Pellegrino por 6-1 e 6-2 e está a uma ronda de alcançar o quadro principal de Roland-Garros pela primeira vez na carreira. Também a um triunfo da principal fase da prova estão nomes como Jenson Brooksby (6-7[5], 6-4 e 6-4 a Marc-Andrea Huesler), Daniel Elahi Galán (6-3 e 6-2 a Altug Celikbilek), Carlos Taberner (6-2 e 6-0 a Thomas Fabbiano), Bernabé Zapata Miralles (7-5 e 6-0 a Dmitry Popko) e Francisco Cerúndolo (6-7[3], 6-4 e 7-6[5] a Thai-Son Kwiatkowski).

Pela negativa, ou seja, no lado derrotado esta quarta-feira estiveram alguns dos cabeças de série. O sérvio Nikola Milojevic, 25.º melhor cotado, caiu de forma clara para Maximilian Marterer (6-1 e 6-1). A Milojevic seguiu-se Sumit Nagal, 27.º pré-designado, com uma derrota por 6-3 e 6-3 contra Alejandro Tabilo. Os desaires dos cabeças de série não ficaram por aqui e Liam Broady, 29.º melhor cotado, também caiu por terra (6-1 e 6-3 frente a Roman Safiullin), assim como Evgeny Donskoy (21.º favorito, que perdeu por 6-7[8], 6-2 e 6-3 para Marco Trungelliti). A maior surpresa, contudo, prende-se com a derrota de Tallon Griekspoor, 17.º pré-designado, que cedeu por 7-5 e 7-5 para Alessandro Giannessi.

Total
1
Shares
Total
1
Share