Fábio Coelho travado em dia difícil para os portugueses no Oeiras Open 4

OEIRAS — Dia complicado para as cores nacionais no Complexo Desportivo do Jamor, com Fábio Coelho (1299.º do ranking ATP) a sofrer a terceira derrota lusa do dia na primeira ronda do qualifying do Oeiras Open 4, ao perder com os parciais de 7-5 e 6-4 para o belga Michael Geerts (369.º).

De regresso ao ATP Challenger Tour pela primeira vez desde a estreia, no Maia Open de 2019, o jogador natural de Oliveira de Azeméis deu muito boa réplica frente a um tenista mais de 900 lugares à sua frente na hierarquia mundial e só nos detalhes é que deixou escapar o resultado: no primeiro set fez o primeiro break e, apesar de ter perdido logo a vantagem, manteve o ritmo dos servidores até sofrer nova quebra de serviço ao 5-6, quando estava perto do tie-break; e no segundo conseguiu chegar ao 4-2, mas perdeu o serviço nos dois jogos seguintes para deixar fugir um terceiro parcial que chegou a parecer certo.

A derrota de Fábio Coelho foi a terceira em três encontros de jogadores portugueses no qualifying deste Oeiras Open 4. Nas primeiras horas do dia, também Francisco Cabral e Miguel Gomes ficaram pelo caminho, pelo que em prova na variante de singulares ficam apenas os seis que já estavam confirmados no quadro principal: Nuno Borges, Gastão Elias e Gonçalo Oliveira, com entrada direta, e os wild cards Tiago Cação, Luís Faria e Pedro Araújo.

Total
2
Shares
Total
2
Share