Norrie coloca fim à semana de sonho de Rinderknech e completa meias-finais em Lyon

Open Parc Auvergne-Rhone-Alpes Lyon

Demorou mais do que o previsto, mas as meias-finais do ATP 250 de Lyon estão, por fim, completas. Depois da chuva ter adiado o que restava do encontro entre Cameron Norrie e Arthur Rinderknech para este sábado, os dois tenistas regressaram ao court para iniciar a jornada e retomar o encontro, que tinha sido parado quando Norrie liderava por 1-0 no terceiro set.

O britânico, vice-campeão do Millennium Estoril Open, regressou à quadra com a corda toda e resolveu rapidamente a questão a seu favor. Norrie triunfou por 6-3, 3-6 e 6-3 e consumou a 13.ª vitória em 16 encontros disputados em terra batida na temporada de 2021.

Após dois primeiros parciais onde os break points foram escassos, mas muito bem aproveitados por ambos os tenistas, a chuva veio interromper o encontro assim que Norrie fechou o primeiro jogo do terceiro parcial. No reatar do encontro, Rinderknech igualou o marcador, mas Norrie rapidamente colocou o pé no acelerador e venceu os três jogos seguintes para se colocar a vencer por 4-1. Um break abaixo, Rinderknech fez o que lhe competia nos jogos de serviço restantes, mas não conseguiu arranjar oportunidades para devolver a quebra de serviço e acabou afastado.

Depois de uma semana em que começou a perder com João Sousa no qualifying e acabou a entrar no quadro como lucky loser para conquistar duas vitórias, Arthur Rinderknech vai sair de Lyon com um novo máximo de carreira em termos de ranking. O tenista francês tem estimada a subida de oito posições, que o deixa no 117.º posto da hierarquia. Quanto a Cameron Norrie, que atingiu as 22 vitórias esta temporada (um novo máximo), vai jogar as terceiras meias-finais em 2021 (foi semifinalista em Delray Beach e finalista no Estoril) frente ao russo Karen Khachanov ainda este sábado.

Total
2
Shares
Total
2
Share