Coco Gauff e Qiang Wang estreiam-se em finais de terra batida em Parma

Não vai haver final totalmente norte-americana em Parma, mas vai haver final entre duas estreantes nestas lides quando a superfície é terra batida. Coco Gauff e Qiang Wang não sabiam o que era jogar por um troféu no “pó de tijolo”, mas vão descobri-lo muito em breve na cidade italiana.

Esta sexta-feira, Gauff foi a primeira a conseguir carimbar o passaporte para a final da prova. A jogar pela segunda semana consecutivas as meias-finais de um evento WTA, depois de o ter feito em Roma, a tenista de 17 anos foi obrigada a disputar três parciais frente a Katerina Siniakova, mas saiu vitoriosa com os parciais de 7-5, 1-6 e 6-2. Apesar das 11 duplas faltas, a norte-americana saiu por cima num encontro de grande qualidade e onde ambas foram repartindo o controlo.

Na outra meia-final, Qiang Wang, de 29 anos, carimbou o regresso a uma grande decisão no circuito WTA. A tenista chinesa, que não joga uma final desde 2018, eliminou cinco dos oito break points que enfrentou e quebrou o serviço a Sloane Stephens por cinco vezes para construir os parciais de 6-2 e 7-6[3].

Este sábado, Coco Gauff e Qiang Wang vão disputar a primeira final da carreira em terra batida, mas ambas já sabem o que é jogar o último encontro de um torneio. Em 2019, Gauff furou a fase de qualificação em Linz e só saiu da cidade austríaca com o troféu, naquela que é a única final WTA disputada pela norte-americana até ao momento. Qiang Wang, por outro lado, vai em busca do terceiro título da carreira. A tenista chinesa venceu dois troféus em 2018, em Nanchang e Guangzhou, e somou ainda finais em Zhuhai e Hong Kong no mesmo ano.

Total
1
Shares
Total
1
Share