Serena Williams cai com estrondo na segunda ronda em Parma

Segundo torneio na terra batida em 2021, segunda eliminação na segunda ronda para Serena Williams. A tenista norte-americana, primeira cabeça de série na edição inaugural do WTA 250 de Parma, foi esta terça-feira afastada de forma contundente pela checa Katerina Siniakova (68.ª WTA) em apenas dois sets, com parciais de 7-6[4] e 6-2.

Naquele que foi o primeiro embate de sempre entre ambas, Siniakova aproveitou muito bem os problemas de Serena com o serviço. A tenista de 39 anos cometeu sete duplas faltas e venceu apenas 42% dos pontos com o segundo serviço, ao passo que Siniakova esteve bem mais sólida. Depois de ter saído por cima no tiebreak da primeira partida, a tenista checa até começou o segundo set em desvantagem, mas teve capacidade para dar uma grande resposta.

Depois de sofrer o break no jogo inaugural, Siniakova fez logo o contra-break e manteve-se no controlo do encontro. Com o resultado em 2-2, a menor cotada arrancou para uma série de 15 pontos consecutivos que lhe permitiram chegar ao 5-2 e dispor de um 0-40 – e consequentes três match points – no serviço de Serena Williams. A vencedora de 73 títulos WTA ainda eliminou os primeiros dois, mas não teve capacidade para afastar também o terceiro e acabou derrotada.

Consumada uma das maiores vitórias da carreira, Katerina Siniakova segue para os quartos de final do Emilia-Romagna Open. A tenista de Hradec Kalove fica agora à espera de Anna-Lena Friedsam (110.ª) – uma das vencedoras do dia, que bateu Viktorija Golubic por 6-4, 6-7[1] e 6-2 – ou Caroline Garcia (53.ª).

Para além de Siniakova e Friedsam, a jornada desta terça-feira trouxe também vitórias para Petra Martic (6-4 e 6-2 frente a Varvara Gracheva), Cori Gauff (7-6[6] e 7-6[7] frente à perigosa Kaia Kanepi), Sara Errani (7-5, 4-6 e 6-1 perante Ana Bogdan), Liudmila Samsonova (6-2 e 6-2 a Giulia Gatto-Monticone), Sloane Stephens (1-6, 6-4 e 7-5 perante Daria Kasatkina) e Amanda Anisimova (6-2 e 6-4 frente a Anna Karolina Schmiedlova). Stephens, Anisimova e Siniakova são as únicas que carimbaram já o passaporte para os quartos de final.

Total
0
Shares
Total
0
Share