Pedro Cachin trava Gonçalo Oliveira e nega final 100% portuguesa no Oeiras Open

Sara Falcão/FPT

OEIRAS — A disputar pela quinta vez na carreira as meias-finais de singulares de um torneio do ATP Challenger Tour, Gonçalo Oliveira (296.º do ranking ATP) foi traído pela lesão nas costas que o atormenta desde o encontro da segunda ronda e desistiu em plena meia-final do Oeiras Open.

No regresso ao court central do Complexo Desportivo do Jamor depois do encontro ter sido suspenso e adiado pela chuva que prejudicou grande parte da jornada anterior, o tenista português de 26 anos não conseguiu fechar a primeira partida (serviu a 5-4) e acabou por não resistir aos problemas físicos, desistindo com o marcador favorável ao argentino Pedro Cachin, por 7-6(4) e 4-0.

Assim, fica fechado o alinhamento da final de singulares do segundo e último Oeiras Open, com o tenista sul-americano a marcar encontro com o português Nuno Borges, às 12h30.

Total
1
Shares
Total
1
Share