Garbiñe Muguruza atinge terceira final da época no Dubai

A espanhola Garbiñe Muguruza continua a colecionar finais em 2021. A tenista de 27 anos assegurou esta sexta-feira o apuramento para a final do WTA 1000 do Dubai, depois de ter derrotado a belga Elise Mertens (18.ª WTA) por 6-4 e 7-6(5).

Depois de ter perdido logo o primeiro jogo de serviço a abrir o encontro, Muguruza reagiu de forma impiedosa e assumiu o controlo do encontro. A hispano-venezuelana venceu quatro jogos consecutivos, passou a liderar por 4-1 e manteve a vantagem até ao momento de servir para a conquista do set. Nessa altura, a tenista nascida em Caracas desperdiçou um set point e acabou por perder o jogo de serviço. Contudo, Mertens não fez melhor e voltou a entregar um break – e o set – à adversária logo a seguir.

O segundo set terminou de forma dramática. Os breaks surgiram apenas na reta final, com Muguruza a quebrar o serviço de Mertens para se colocar a servir a 5-3 para fechar o encontro. A espanhola voltou a ser assombrada pelos fantasmas do primeiro set, desperdiçou um match point e acabou por sofrer o break. Logo a seguir, Muguruza descobriu mais três match points no serviço de Mertens, mas não conseguiu capitalizar e ainda acabou por sofrer um novo break, que deixou a belga a servir para vencer o segundo parcial. Nesse momento, Muguruza conseguiu esboçar nova reação, quebrou o “saque” à adversária e levou o encontro para o tiebreak, onde ainda desperdiçou mais dois match points antes de finalmente confirmar a vitória à sétima tentativa.

Depois de ter perdido as primeiras duas finais da temporada, no Yarra Valley Classic e depois em Doha, na semana passada, Garbiñe Muguruza vai procurar melhor sorte à terceira tentativa. A número 16 mundial vai defrontar a checa Barbora Krejcikova (63.ª), que bateu Jil Teichmann (54.ª) por 7-5 e 6-2.

Total
1
Shares
Total
1
Share